10º Fórum de Economia

Data: 
Seg, 30/09/2013 - 08:30 - Ter, 01/10/2013 - 16:30
Local: 
FGV-EESP
 
Uma estratégia para dobrar a renda per capita do Brasil em 15 anos?
 
 
Quando o Brasil voltará a se desenvolver de forma acelerada e realizar o catching up? Documento elaborado pela FIESP entende que é possível dobrar a renda per capita em quinze anos. Será essa meta ambiciosa demais? Por que o Brasil vem se desindustrializando? Os culpados são a falta de poupanças, ou a falta de investimentos na infraestrutura, ou na ciência em tecnologia, ou na educação? Ou essas são “faltas” que sempre existiram, mas não inviabilizaram o desenvolvimento acelerado, e devemos enfrentar e resolver os problemas novos ainda não resolvidos que surgiram logo após a estabilização da alta inflação em 1994?
                               
Segunda-feira – 30 de setembro de 2013
08:30-09:00 – Credenciamento
09:00-9:30 – Abertura
Coordenador do Fórum – Luiz Carlos Bresser-Pereira
Presidente do IEDI – Pedro Luiz Barreiros Passos
Diretor do DIEESE – Clemente Ganz Lúcio
Vice-Presidente da FIESP – Benjamin Steinbruch
Ministro da Fazenda – Guido Mantega
 
 
09:30 -10:15 – Palestra: Guido Mantega
 
 
10:30-13:00 - 1º Painel – Quais as restrições macroeconômicas para o Brasil dobrar a renda per capita em quinze anos? 
Controlada a alta inflação inercial com o Plano Real, definiram-se três grandes problemas macroeconômicos: desequilíbrio fiscal, taxa de juros variando em nível alto, e taxa de câmbio flutuando em nível sobreapreciado. Em relação ao primeiro problema, ocorreram grandes avanços desde 1999, em relação ao segundo, desde 2006; em relação à taxa de câmbio, não houve avanço. Qual a matriz macroeconômica que o Brasil realmente precisa?
 
Presidente da Mesa: Benjamin Steinbruch
Expositores: Antonio Delfim Netto, Marcio Holland, Fernando de Holanda Barbosa Filho, Luiz Fernando de Paula.
Debatedores: Yoshiaki Nakano e Fernando Cardim de Carvalho.
 
 
14:30-16:30 – 2º Painel – Quais as linhas mestras de um plano para dobrar a renda per capita em 15 anos? O documento “Estratégia de Potencial Socioeconômico Pleno para o Brasil” indica essas linhas.
A FIESP elaborou o documento ““Estratégia de Potencial Socioeconômico Pleno para o Brasil” no qual apresenta ideias de como dobrar a renda per capita do Brasil em 15 anos. Quais os pontos centrais dessa estratégia? Ela serve de base para uma estratégia nacional de desenvolvimento que aos poucos se torne consensual no Brasil?
Presidente da Mesa: Pedro Luiz Barreiros Passos
Expositores: Paulo Francini, Clemente Ganz Lucio, Marcelo Miterhof
Debatedores: Luiz Gonzaga Belluzzo, Mario Bernardini, Júlio Sérgio Gomes de Almeida
 
Terça-feira, 1 de outubro de 2013
 
09:00-10:00 – Palestra: Aloizio Mercadante
 
 
10:15-12:30 –  3º Painel – Está o Estado brasileiro equipado para formular e levar adiante um plano para dobrar a renda per capita em 15 anos? Qual sua relação com o PAC?
 
O planejamento econômico só faz sentido para os setores monopolistas ou quase-monopolistas da economia onde o mercado não tem capacidade de coordenação satisfatória. E só faz sentido se o Estado estiver equipado em termos humanos e institucionais para conduzir esse trabalho. Tem o Estado brasileiro essa capacidade? Ou está buscando tê-la? Como relacionar esse plano com o PAC?
 
Presidente da Mesa: João Guilherme Sabino Ometto
Expositores: Fabiano Santos, Carlos Pacheco, Fernando Abrucio, Regina Pacheco
Debatedores: José Celso Cardoso Junior, Francisco Eduardo Pires de Souza, Claudio Gonçalves Couto
 
14:00- 15:00 -  Palestra: Robert Blecker

 

 15:00-17:00  – 4º. Painel – Qual a política comercial e cambial compatível com a meta de dobrar a renda per capita do Brasil em 15 anos?
 
A integração internacional dos países está se realizando cada vez mais através da integração das cadeias de produção. Mas para que isto ocorra é necessário, de um lado, que as tarifas aduaneiras sejam baixas, e, de outro, que a taxa de câmbio flutue em torno do equilíbrio industrial, aquele que viabiliza as empresas competentes. Ora, a sobreapreciação cambial que ocorre no Brasil vem anulando as tarifas aduaneiras e mesmo tornando-as negativas. Que fazer diante do problema? Levar os outros países a apreciar suas moedas, ou o Brasil tratar de corrigir sua taxa de câmbio para poder dobrar seu crescimento em 15 anos?
Presidente da Mesa: Antonio Maciel Neto
Expositores: Renato Baumann, José Luís Oreiro, Eliane Araujo, Pedro Rossi  
Debatedores: Robert Blecker, Nelson Barbosa, José Viegas, Luiz Aubert Neto
 
 
17:00-17:30 – Encerramento
 
            Luiz Carlos Bresser-Pereira
 
 
 
 
 
 
Local do evento
 
Fundação Getulio Vargas: Av. 9 de Julho 2029, 4º. Andar (Entrada pela Rua Itapeva, 432)

 

 

Apresentações: 

 

 

AnexosSize
Antonio Delfim Neto - "Restrições Macroeconômicas para o Brasil dobrar a renda per capita em 15 anos"85.98 KB
Guido Mantega - "Novo ciclo de desenvolvimento (2013-2022)"3.51 MB
Marcio Holland - "Uma estratégia para dobrar a renda per capita do Brasil em quinze anos"1.78 MB
Fernando de Holanda Barbosa - "O Brasil pode repetir o Milagre Econômico?"811.4 KB
Luiz Fernando de Paula - "Políticas macroeconômicas para um crescimento robusto e sustentável"952.71 KB
Paulo Francini - "Estratégia de Potencial Socioeconômico Pleno para o Brasil"13.06 MB
Mariano Francisco Laplane - "Uma estratégia para dobrar a renda per capita do Brasil em 15 anos? O papel da indústria e da política industrial"1.24 MB
Fabiano Santos - "Gerenciamento presidencial de políticas públicas em governos de coalizão: implicações para implementação do PAC"135.36 KB
Carlos Pacheco - "Inovação e Desenvolvimento"1.45 MB
Fernando Abrucio - "Condições estatais para o desenvolvimento: o papel do capital humano - formação e utilização pelo governo"51.27 KB
Robert Blecker (Palestra) - "Economic Stagnation in the United States: Domestic Couses and Global Consequences"815.19 KB
José Luis Oreiro - "Acumulação de Capital, Taxa Real de Câmbio e Catching-up_Teoria e evidência para o caso brasileiro"9.03 MB
Eliane Araujo - "Política Câmbial, Estrutura Produtiva e Crescimento Econômico: fundamentos teóricos e evidências empíricas para o Brasil"588.82 KB
Pedro Rossi - "Política câmbial no Brasil: um esquema analítico"692.62 KB
Robert Blecker (4º Painel) - "Qual a política comercial e cambial compatível com a meta de dobrar a renda per capita do Brasil em 15 anos?" 330.52 KB
Fernando de Holanda Barbosa - "O Brasil pode repetir o Milagre Econômico?"320.99 KB
Clemente Ganz Lúcio - "Para dobrar é preciso distribuir"168.47 KB
Fabiano Santos - "Gerenciamento Presidencial de Políticas Públicas em Governos de Coalizão"305.85 KB
Marcelo Miterhof - "Dobrar a renda per capita: notas sobre o debate"150.07 KB
Regina Pacheco - "Capacidade Institucional do Estado brasileiro e o novo desenvolvimento: desafios atuais"143.5 KB
Renato Baumann - "Política Comercial Externa Brasileira - Algumas Considerações para a Indústria"180.94 KB
José Luis Oreiro - "Acumulação de Capital, Taxa Real de Câmbio e Catching up_Teoria e evidência para o caso brasilieiro"1.5 MB
Eliane Araujo - "Política Cambial, Estrutura Produtiva e o Crescimento Econômico: fundamentos teóricos e evidências empíricas para o Brasil"362.15 KB
Pedro Rossi - "Política Câmbial no Brasil: um Esquema Analítico"1.04 MB

Portal FGVENG

Escolas FGV

Acompanhe na rede